Ir para página principal

"Nossa Senhora da Piedade é fortaleza", diz padre Fábio de Melo no Santuário da Padroeira

O Santuário Nossa Senhora da Piedade - Padroeira do Estado de Minas Gerais - deve estar no coração de cada brasileiro. Essa afirmação do padre Fábio de Melo marcou a abertura do momento de espiritualidade presidido pelo sacerdote no Santuário da Padroeira de Minas Gerais, em Caeté, no domingo, 12 de julho. Mais de oito mil peregrinos estavam presentes no evento, que também foi oportunidade para a apresentação do Devocionário a Nossa Senhora da Piedade, livro com orações e cânticos dedicados à Padroeira de Minas Gerais. A peregrinação de vários seminaristas de todo o Brasil ao Santuário Nossa Senhora da Piedade tornou a programação desse dia ainda mais especial. Os seminaristas estiveram reunidos em Belo Horizonte para o 2º Congresso Nacional de Seminaristas, realizado na PUC Minas. No último dia do evento, acompanhados pelo arcebispo dom Walmor, eles subiram boa parte do percurso rumo ao alto da Serra da Piedade a pé, em clima de oração e contemplação.

O padre Fábio de Melo celebrou a Missa das 8h na Ermida da Padroeira, com transmissão pela TV Horizonte e retransmissão pela Rede Minas. As transmissões são possíveis graças aos gestos de doação de quem contribui com a Faço Parte - Campanha dos Devotos de Nossa Senhora da Piedade. Muitos fiéis chegaram mais cedo para participar da Celebração na Ermida, que ficou repleta. Pouco tempo depois da Missa, começou o momento de espiritualidade, na Praça Cardeal Motta. Durante a abertura, dom Walmor apresentou o Devocionário a Nossa Senhora da Piedade, organizado pelo padre Mateus Lopes, da Arquidiocese de Belo Horizonte. O Arcebispo ressaltou que o Devocionário ajuda “a plantar ainda mais no coração das pessoas o amor de Deus”, a partir das singularidades que caracterizam o Santuário Nossa Senhora da Piedade. “O Santuário é o retrato de Minas Gerais. Nas montanhas de Minas, Cristo Rei firmou o seu altar”, afirmou. Dirigindo-se ao padre Fábio de Melo, dom Walmor disse: “É por isso que o coração mineiro é enraizado na fé cristã católica”. O Arcebispo agradeceu ao padre Fábio de Melo, por dedicar o seu dom aos trabalhos de evangelização desenvolvidos no Santuário Nossa Senhora da Piedade.

Durante o momento de espiritualidade, padre Fábio cantou algumas de suas canções e sublinhou que “tem uma forte relação com o Santuário da Padroeira de Minas Gerais”, onde já esteve em outras oportunidades, conduzindo retiros. O sacerdote lembra que a imagem de Nossa Senhora da Piedade narra uma forte cena, em que a Mãe segura o Filho morto em seus braços. “Aprendemos com a imagem de Nossa Senhora da Piedade a superar as dificuldades da vida. Ela é fortaleza”, ensinou. Ele acrescentou ainda que o gesto de “segurar um filho morto nos braços exige grandeza da alma, profunda misericórdia”. Assim, conforme argumenta o padre Fábio de Melo, Nossa Senhora da Piedade educa o coração das pessoas a ser mais misericordioso. Manifestando todo o seu apreço e carinho com a Casa da Padroeira de Minas, o sacerdote disse: “Quero chamar a atenção de todo o povo do Brasil para que visite este lugar, o Santuário Nossa Senhora da Piedade - Padroeira de Minas Gerais”.

No encerramento do momento de espiritualidade, o reitor do Santuário Nossa Senhora da Piedade, padre Fernando César do Nascimento, entregou ao padre Fábio de Melo um livro com o nome de todos os fiéis que integram a Faço Parte - Campanha dos Devotos de Nossa Senhora da Piedade. Padre Fernando pediu para que padre Fábio reze por todos os devotos.
 

Procissão e bênção de envio


Muitos peregrinos, após a conclusão do momento de espiritualidade, acompanharam a procissão que reuniu o arcebispo dom Walmor e os seminaristas de todo o Brasil. A procissão partiu da Igreja Nova das Romarias, onde o Arcebispo celebrou Missa, rumo à Praça Cardeal Motta. Em frente à Ermida, dom Walmor presidiu a bênção de envio. Dirigindo-se aos seminaristas, o Arcebispo os orientou a “partir sempre ao encontro do outro, especialmente ao encontro dos que mais precisam, seguindo o exemplo de Nossa Senhora da Piedade – Estrela da Evangelização”.


Antes de deixar o Santuário, cada seminarista contemplou a imagem de Nossa Senhora da Piedade, na Ermida da Padroeira de Minas Gerais. Enquanto isso, o Arcebispo recebia o carinho dos peregrinos, os cumprimentava e os abençoava na Praça Cardeal Motta.

 

Fonte: Arquidiocese BH